PROGRAMA DO ROCHINHA

De Segunda a Sexta, das 6h às 7h, na FM MAIOR DE BATURITÉ 93,3. E-mail: programadorochinha@gmail.com - Fone: (85) 3347-1177 WhatsApp: (85) 9 9156-2117

FM MAIOR 93,3

  • Notícias

    terça-feira, 29 de outubro de 2019

    Cinco curiosidades surpreendentes sobre o banho

    Tomar banho para manter a higiene, relaxar ou refrescar o corpo é fundamental. Você sabia que esse hábito corriqueiro praticamente obrigatório para alcançar a sensação de bem-estar da pele e manter a saúde do corpo nem sempre foi assim? Com o passar dos anos, os costumes relacionados ao banho foram mudando até chegarmos como é feito atualmente. E para deixar você por dentro dessas curiosidades, conheça as cinco mais interessantes:


    Banho para quê?

    Antigamente os portugueses só tomavam um, no máximo, dois banhos por ano e ainda sob recomendação médica. Porém, na colonização do Brasil, os portugueses perceberam que os índios tomavam banho muitas vezes por dia e eram bem mais saudáveis que seu povo. Então, a partir daí eles introduziram essa atividade em sua rotina diária.

    O primeiro sabonete

    Por volta dos anos 600 a.C., os Fenícios, que foram uma civilização antiga localizada no território atualmente ocupado pelo Líbano, criaram uma substância pastosa com gordura de cabra, água e cinzas de madeira. Eles perceberam que a mistura ajudava a remover a gordura do corpo e dos objetos com mais facilidade. Contudo, foi apenas no século VII que o sabonete teve sua primeira forma sólida - parecida com a que conhecemos hoje em dia.

    EUREKA!

    Não só para limpar e beber serve a água. Foi durante um banho que o matemático Arquimedes descobriu como calcular o volume de um objeto, após o rei Hierão lhe dar a missão de descobrir quanto tinha a sua coroa, sem que precisasse derretê-la para chegar ao resultado. Arquimedes foi tomar banho e ao entrar na banheira percebeu que a água subia, levando-o a concluir que para chegar ao resultado bastava colocar a coroa dentro da água e medir o volume deslocado. Foi despois dessa descoberta que ele soltou o grito do descobrimento: "EUREKA!"

    Uma água só para todos

    Antigamente era comum os membros da família tomarem banho com a mesma água. Era despejada água dentro de barril e a ordem do banho começava sempre pelo pai, depois a mãe e depois os filhos, sendo do mais velho para o mais novo.

    É muita luxúria

    Na Europa medieval houve um tempo em que as casas de banhos foram fechadas por incentivar a luxuria. Porém, na mesma época a comunidade médica acreditava que por causa da abertura dos poros causada pelo banho, eles teriam mais facilidade para pegar doenças. Mas agora depois desses maus hábitos superados pela humanidade, o banho se tornou tarefa obrigatória no nosso dia.

    Meio Norte

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário