PROGRAMA DO ROCHINHA

De Segunda a Sexta, das 6h às 7h, na FM MAIOR DE BATURITÉ 93,3. E-mail: programadorochinha@gmail.com - Fone: (85) 3347-1177 WhatsApp: (85) 9 9156-2117

FM MAIOR 93,3

  • Notícias

    quarta-feira, 15 de janeiro de 2020

    Prefeitos realizam reunião do Consórcio da Associação dos Municípios do Maciço de Baturité para Saneamento Ambiental – AMSA e decidem pela construção de 12 centros de triagem de resíduos sólidos

    A reunião foi realizada ontem (14), no auditório da Prefeitura de Baturité e contou com a presença de 10 Prefeitos integrantes da AMSA.


    Estiveram presentes os Prefeitos Maria  Auxiliadora -Aratuba, Thiago Campelo - Aracoiaba, Alailson Saldanha - Barreira, Assis Arruda - Baturité, Júnior Saraiva - Capistrano, Roberlandia Ferreira - Guaramiranga, Dário Coelho - Itapíuna, Robert Viana - Mulungu, Kiko Sampaio - Pacoti e  Davi do Claudio - Palmácia.

    Presente pela primeira vez, o Prefeito de Aracoiaba Thiago Campelo, disse  que é uma iniciativa importante para os municípios consorciados  tentarem resolver de vez a questão  do saneamento, a questão dos lixos urbanos e  nós vamos nessa luta para que a associação realmente  tenha êxito nessa  empreitada.

    O Prefeito de Mulungu Robert Viana disse que o Governo do Estado  fez um projeto padrão  com apoio da Secretaria do Meio Ambiente, Semace,  Ministério Público Estadual, Arquitetos, Engenheiros sanitaristas e Ambientalistas onde cada município vai ter um centro municipal de triagem dos resíduos sólidos. Nós vamos reciclar todo o  lixo dentro do nosso próprio município, diz Robert. 

    Dentro desse projeto está prevista uma campanha educativa da população,  de reuniões e palestras, onde a gente vai também implantar a coleta seletiva, onde vai ter o dia do Plástico o dia do Vidro, dia do material úmido e todo esse lixo vai ser reciclado  dentro  desses centros de triagem que vão ser construídos.

    O material excedente que que não puder voltar para a agricultura, que não puder ser transformado em adubo, vai para Baturité e será vendido para as grandes indústrias de reciclagem, fazendo com que o lixo  seja revertido em renda para os municípios.

    Isso  já é realidade. Nós temos quase cinco milhões de reais em conta, esse dinheiro já está ouvindo a conversa. Em março vai ser feita a licitação para construção nos doze municípios, todos eles consociados, todos os prefeitos concordando com tudo aquilo que vem sendo feito junto com o Governo do Estado do Ceará e  com o Ministério Público Estadual que também acompanhou o desenvolvimento desse projeto, para que a gente possa tratar  melhor a questão do lixo  aqui na nossa região, finaliza Robert Viana.

    O Prefeito de Pacoti e presidente da AMAB Kiko Sampaio disse: nós deliberamos hoje coisas importantes da AMSA. Temos  um bom recurso em conta e  vamos começar as construções  das Centrais  de  Distribuições de Resíduos em cada município.

    A partir de março irá começar o processo licitatório e  acredito que até junho nós iremos iniciar as execuções das obras. A região Maciço é a primeira do Estado do Ceará a implantar essa questão  do consórcio de Resíduos Sólidos. 

    Essa questão do lixo é uma questão de saúde pública, é uma questão importantíssima. Estamos realmente muito comprometidos com a implantação e evoluindo, pois já saiu do papel, saiu do protótipo, é real, é fato.

    Muitos prefeitos vão entregar um legado muito importante que ao final de dois mil e vinte, as centrais de tratamento de lixo, algumas já vão estar finalizadas. Depois disso, vamos fazer as duas centrais para receber o material reciclado no caso de Redenção e Baturité.

    O Maciço de  Baturité está de parabéns, os  Prefeitos estão de parabéns pela  União, a população está de parabéns,  arrematou o Prefeito Kiko Sampaio.




    A Assembléia deliberativa de ontem, contou ainda com as participações do superintendente da AMSA, Jairo Castelo Branco, assessor jurídico, secretária executiva da AMAB, Inês Távora, secretários municipais e imprensa, representada pelo Radialista Rochinha e Miguel Cristóvam da FM Maior e Roberto Silva da Rádio Maciço.

    A AMSA é composta por 12 Municípios dos 13 do maciço, ficando de fora, Ocara, pois é integrante do Consórcio da região de Pacajus. Na reunião de ontem (14), os ausentes foram os Prefeitos de Acarape, Franklin Veríssimo e de Redenção Davi Benevides.


    Radialista Rochinha

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário