PROGRAMA DO ROCHINHA

De Segunda a Sexta, das 6h às 7h, na FM MAIOR DE BATURITÉ 93,3. E-mail: programadorochinha@gmail.com - Fone: (85) 3347-1177 WhatsApp: (85) 9 9156-2117

FM MAIOR 93,3

  • Notícias

    6 de mai. de 2020

    Estado vai utilizar câmeras de segurança para fiscalizar deslocamento durante quarentena

    O Governo do Ceará vai utilizar o sistema de videomonitoramento da Secretaria da Segurança Pública (SSPDS) e dos órgãos de fiscalização de trânsito, estadual e municipal para fiscalizar a mobilidade de pessoas e de veículos durante o novo decreto de isolamento social determinado nesta terça-feira (5) pelo governador Camilo Santana e pelo prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio.

    As fiscalizações, tanto na Capital como no Interior, serão mais rígidas para tentar conter o avanço do novo coronavírus no Estado.

    Segundo o Diário Oficial do Estado "para fiscalização e aplicação das devidas sanções pela inobservância ao disposto neste artigo, será utilizado o sistema de videomonitoramento à disposição da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) ou dos órgãos de fiscalização de trânsito, estadual e municipal, no exercício de suas respectivas competências". 

    O governador Camilo Santana contou, nesta quarta-feira (6), por exemplo, como será feita a abordagem policial em motoristas e como as autoridades vão fiscalizar a ida de uma pessoa a um supermercado ou para outro estabelecimento cujo funcioamento é permitido através do Sistema Policial Indicativo de Abordagem (Spia).

    “Se a pessoa for abordada a pé provavelmente ela estará próxima a um supermercado estará visualmente observável. Se a pessoa está de carro, no primeiro momento, o policial vai fazer a abordagem. Ele terá que confiar muitas vezes no cidadão ou cidadã que presta essa informação. Mas nós vamos estar monitorando a placa do carro, que será anotada, vamos fiscalizar e acompanhar esse carro, o destino deste veículo pelo sistema Spia”, explicou o governador durante entrevista para a TV Verdes Mares. 

    Sobre a fiscalização, a SSPDS afirmou que o órgão e suas vinculadas, bem como o Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran-CE), estão em tratativas com órgãos de fiscalização, trânsito, mobilidade e segurança da Prefeitura de Fortaleza com o intuito de traçar ações para atuação, a partir da próxima sexta-feira (8), durante o período de isolamento social rígido para enfrentamento do novo coronavírus (Covid-19) em Fortaleza.

    A pasta informou que os detalhes do protocolo de atuação que visa garantir o cumprimento das novas medidas e ampliar a segurança sanitária serão divulgados nesta quinta-feira (7).

    PLANO OPERACIONAL

    Camilo afirmou que está previsto para esta quarta-feira a definição do plano operacional das principais ações do novo decreto, no qual Fortaleza terá medidas mais rígidas de quarentena.  “Hoje vamos fechar a operacionalização dessas ações na Capital. A determinação é ser duro para que se cumpra o decreto”, afirmou. 

    O governador ressaltou que o cidadão deve se conscientizar sobre o avanço da Covid-19 em Fortaleza. Ele afirmou ainda que quem obedecer às determinações do governo será punido conforme a lei.  

    “O decreto não tem nenhum objetivo de fazer qualquer tipo de multa à população. Queremos que a população se conscientize da importância nesse momento de ser solidário, com essa pandemia, para com a população. Mas tá previsto no decreto penas, sanções tanto cíveis, administrativa como penais”, assegurou. 

    Camilo também destacou a importância dos prefeitos municipais para que as novas normas sejam cumpridas à risca e com sucesso. 

    “Esse decreto não tem finalidade de punir ninguém, mas será punido aquele que desobedecer porque está colocando em risco a vida dos outros. Portanto, é fundamental que os prefeitos municipais colaborem, ajudem. Muitos têm feito muitas ações pra que a gente possa garantir que a situação grave que chegou a Fortaleza não se repita em outros municípios do interior do Ceará”.

    DN

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário