PROGRAMA DO ROCHINHA

De Segunda a Sexta, das 6h às 7h, na FM MAIOR DE BATURITÉ 93,3. E-mail: programadorochinha@gmail.com - Fone: (85) 3347-1177 WhatsApp: (85) 9 9156-2117

FM MAIOR 93,3

  • Notícias

    12 de mai. de 2020

    Moradores constroem cercas em cidade no Interior para impedir circulação das pessoas e contaminação por coronavírus

    Em Santana do Cariri, interior do Ceará, moradores estão montando cercas nas ruas para impedir que as pessoas saiam de casa e a passagem de carros nas vias.

    As medidas foram tomadas após a circulação de informações de que pessoas suspeitas de estarem com a Covid-19 estavam se deslocando normalmente pelo município. Segundo a plataforma IntegraSUS, da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), Santana do Cariri tem cinco casos confirmados de Covid-19 e nenhum óbito, conforme dados atualizados até as 9h55 desta terça-feira (12). 

    A secretária da Saúde de Santana do Cariri, Aline Maria Alencar, confirma que algumas pessoas com suspeita da doença desobedeceram o decreto estadual para manter o isolamento e isso acabou causando pânico entre os moradores.

    "Pessoas da cidade que procuraram o serviço de saúde foram afastadas com atestados pra que se mantivessem em casa porque tavam com sintomas da Covid. E essas pessoas, nesse interim, a gente tem informações de estarem circulando. É o que a gente pede atenção. Teve que a população entrar em verdadeiro pânico, solicitando parceria da polícia porque viram ou escutaram que as pessoas estavam circulando. Então é importante que as pessoas se mantenham (em casa) e sigam as orientações médicas", reforçou Alencar.

    BAIRRO VAI TER REGRAS RÍGIDAS

    De acordo com ela, a maioria dos casos suspeitos e positivos para a doença estão no Bairro Inhumas. A região passou por higienização durante a madrugada, e ainda nesta terça-feira será iniciado um levantamento domiciliar para identificar casos suspeitos sintomáticos da doença no bairro, para realização de testes, informou a secretária. 

    Ainda segundo Alencar, o bairro deve receber orientações de regras mais rígidas para evitar a circulação de populares na região. 

    Elber Feitosa

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário