PROGRAMA DO ROCHINHA

De Segunda a Sexta, das 6h às 7h, na FM MAIOR DE BATURITÉ 93,3. E-mail: programadorochinha@gmail.com - Fone: (85) 3347-1177 WhatsApp: (85) 9 9156-2117

  • Notícias

    26 agosto 2021

    Graviola: benefícios, nutrientes e como fazer o suco

    Fruta tropical nativa de áreas quentes do continente americano e muito comum no Brasil, especialmente na Bahia, a graviola (Annona Muricata L.) traz mais do que apenas uma possibilidade de suco na mesa do almoço. O consumo pode ser natural e também na forma de chás, sorvetes e shakes. 

    Com frutos na maior parte do ano, os benefícios da graviola, seja na casca, no fruto, nas sementes, nas raízes ou nas folhas, são os mais diversos, inclusive para o tratamento de doenças. 

    A fruta pode auxiliar, por exemplo, no combate a cistite, uma inflamação na bexiga. Pacientes diabéticos ou dores de cabeças constantes, também podem se beneficiar. 

    CARACTERÍSTICAS 

    Conhecida também como pinha, guanabana ou guanabano, a graviola é uma planta que mede de cinco a oito metros e possui uma copa arredondada, com cascas grandes verde-escuras e brilhantes. 

    BENEFÍCIOS DA GRAVIOLA

    A graviola possui propriedades anticancerígenas e antioxidantes, desse modo, auxiliando no controle de componentes tóxicos que entram no organismo.

    VITAMINAS E NUTRIENTES

    Além de ser rica em água (80% da composição), a graviola possui diversos nutrientes em suas propriedades, como as Vitaminas A e C, B1, B2 B3 e B9, além de zinco, potássio, magnésio, ferro, cobre, fósforo e cálcio.

    COMO FAZER O SUCO?

    O suco deve ser feito usando a parte branca da fruta (polpa), tradicionalmente conhecida por
    ser bem macia. Deve-se retirar os caroços.

    Para dois copos do suco:

    - 1 xícara de chá da polpa da fruta (sem os caroços)
    - 500ml de água
    - Gelo, se desejar

    Preparo: Adicione todos os ingredientes no liquidificador e bata inicialmente no modo pulsar e depois por 2 minutos no modo normal do liquidificador. Por se tratar de uma fruta doce, não é necessário adicionar açúcar


    Diário do Nordeste


    Nenhum comentário:

    Postar um comentário