PROGRAMA DO ROCHINHA

De Segunda a Sexta, das 6h às 7h, na FM MAIOR DE BATURITÉ 93,3. E-mail: programadorochinha@gmail.com - Fone: (85) 3347-1177 WhatsApp: (85) 9 9156-2117

  • Notícias

    16 março 2022

    Dentista ganhou R$ 35,5 milhões danificando dentes de pacientes para consertá-los



    Para Scott Charmoli, pacientes com os dentes perfeitos "não era um bom negócio". Então, o dentista de Jackson (Wisconsin, EUA) perfurou e quebrou os dentes de seus pacientes deliberadamente para consertá-los.

    Com a estratégia criminosa, Scott passou de um faturamento de US$ 1,4 milhão (R$ 7,2 milhões), com o implante de 434 coroas em 2014 para US$ 2,5 milhões (R$ 12,8 milhões) e realizar mais de mil procedimentos de coroa um ano depois.

    Na última quinta-feira, após um julgamento de quatro dias, Scott, de 61 anos, foi condenado por cinco acusações de fraude no sistema de saúde e duas acusações de fazer declarações falsas sobre o tratamento de seus pacientes. Ele deve ser sentenciado em junho, quando enfrentará até 10 anos por cada uma das acusações de fraude de assistência médica e um máximo de cinco anos nas outras duas condenações.

    Os advogados do dentista não responderam imediatamente a um pedido de comentário do "Washington Post" na noite de terça-feira (15/3). Mas quando o dentista se declarou inocente em dezembro de 2020, sua advogada na época disse que a única coisa de que seu cliente era culpado era "trabalho duro".

    Extra

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário